Tuesday, 27 April 2010

"Tchubaruba"



Behind the flowers in a light she found the sun
Behind the sadness I showed her that life is really fun
And we realized how amazing the world is...

Sunday, 25 April 2010

"Eu ando em frente por sentir vontade"



Eu quis te conhecer, mas tenho que aceitar
Caberá ao nosso amor o eterno ou o não dá
Pode ser cruel a eternidade
Eu ando em frente por sentir vontade

Eu quis te convencer, mas chega de insistir
Caberá ao nosso amor o que há de vir
Pode ser a eternidade má
Caminho em frente pra sentir saudade

Paper clips and crayons in my bed
Everybody thinks that I'm sad
I'll take a ride in melodies and bees and birds
Will hear my words
Will be both us and you and them together

Cause I can forget about myself
Trying to be everybody else
I feel allright that we can go away
And please my day
I let you stay with me if you surrender

Eu quis te conhecer mas tenho que aceitar
I can forget about myself
Trying to be everybody else
Caberá ao nosso amor o eterno ou o não dá
I feel all right that we can go away
Pode ser a eternidade má
And please my day
Eu ando sempre pra sentir vontade.
I'll let you stay with me if you surrender


Caminho em frente sentindo saudade de você.

Thursday, 22 April 2010

É você que tem

nas tuas mãos
meu choro de mulher


Tem meu ver
O meu sonhar
E o que quiser


É você que é
o homem meu
Meu grande amor da minha vida


É tão teu
O gosto da minha
mordida
É você que tem
o colo que eu
deito e descanso
 

E é tão teu
Meu coração
Aflito e manso


É você que tem
Na pele a luz
Cor da coisa mais segura

Que eu já vi
Formar na mácula
escura

Wednesday, 21 April 2010

Eu... te acho mais bonito!

...

Quando eu conto d'um sujeito
Cê logo encolhe o peito
Supondo uma intenção
Acha q'eu queria ter
Um homem de tevê
Que veste a perfeição

Se pedir eu ainda grito
Até de olhos fechados
Eu... te acho mais bonito!

...

Wednesday, 14 April 2010

Ele é calmo, tranquilo, resolve as coisas pensando bastante.
Ela é brava, ansiosa, resolve no ímpeto e no impulso, pensa muitas vezes, mas o impulso sempre é mais forte.

Todo mundo gosta dele, o considera por ser o amigão.
Todo mundo gosta dela, adoram sua simpatia.

Sinceros, ambos são, cada um a sua maneira.
Ele conversa, jogo aberto.
Ela abre o jogo quando desabafa ou fala o que vem na cabeça.

Ele é fechadão, guarda os sentimentos pra si, só se abre quando vê que é inevitável e ainda assim reluta.
Ela é "meio" fechada, rs, guarda demais as coisas e acaba falando tudo quando remoe demais e explode.

Ele tem segurança em várias coisas e ela tem segurança em outras coisas.
A insegurança no item de um é a segurança no item do outro.

Ouviriam música o dia inteiro e falariam o dia inteiro sobre bandas que gostam, ou veriam dvds.
Um apresentando ao outro o que gosta.
Ela cantaria e dançaria e ele a veria com um sorriso no rosto.

Adoram o inverno, um friozinho bom que une mais.
Ela adora o verão com muito protetor e ele ficando vermelho.

Fãs de filmes, que nem sempre agradam a ambos, mas se divertem mesmo assim.

Ela adora um "fru-fru", mandar beijinhos, agradinhos, frescurinhas.
Ele é sério, gosta de receber, mas não leva jeito pra retribuir.

Ela se emociona pra falar algo muito sério ou fica sem jeito.
Ele talvez fique sem jeito, mas fala com o coração.

Ele não gosta de trazer problemas, prefere resolvê-los sozinho a preocupar alguém.
Ela gosta de saber, de compartilhar e estar ao lado, mesmo que ele tente driblá-la.

Ela disse "eu te amo" numa despedida.
Ele disse "eu te amo" num reencontro.

Ela não consegue e nem quer se desprender.
Ele deixa livre quem ama mas adora ficar junto a amada.

O coração uniu os dois.
Mas a distância física os separa. Até quando?




Eu Te Amo
Marisa Monte
Composição: Roberto Carlos

Tanto tempo longe de você
Quero ao menos lhe falar
A distância não vai impedir
Meu amor de lhe encontrar

Cartas já não adiantam mais
Quero ouvir a sua voz
Vou telefonar dizendo
Que eu estou quase morrendo
De saudades de você

Eu te amo

Eu não sei por quanto tempo eu
Tenho ainda que esperar
Quantas vezes eu até chorei
Pois não pude suportar

Para mim não adianta
Tanta coisa sem você
E então me desespero
Por favor meu bem eu quero
Sem demora lhe falar

Eu te amo

Mas o dia que eu puder lhe encontrar
Eu quero contar
O quanto sofri por todo esse tempo
Que eu quis lhe falar

Eu te amo

Para mim não adianta
Tanta coisa sem você
E então me desespero
Por favor meu bem eu quero
Sem demora lhe falar

Eu te amo

Thursday, 8 April 2010

Fernando eu te amo muito!!!






Chega de Saudade
Tom Jobim
Composição: Tom Jobim e Vinícius


Vai minha tristeza,
e diz a ela que sem ela não pode ser,
diz-lhe, numa prece
Que ela regresse, porque eu não posso Mais sofrer.
Chega, de saudade
a realidade, É que sem ela não há paz,
não há beleza
É só tristeza e a melancolia
Que não sai de mim, não sai de mim, não sai
Mas se ela voltar, se ela voltar
Que coisa linda, que coisa louca
Pois há menos peixinhos a nadar no mar
Do que os beijinhos que eu darei
Na sua boca,
dentro dos meus braços
Os abraços hão de ser milhões de abraços
Apertado assim, colado assim, calado assim
Abraços e beijinhos, e carinhos sem ter fim
Que é pra acabar com esse negócio de você viver sem mim.
Não quero mais esse negócio de você longe de mim...

"Todo dia a insônia me convence que o céu faz tudo ficar infinito..."



Pro Dia Nascer Feliz
Cazuza
Composição: Cazuza / Frejat


Todo dia a insônia me convence que o céu
Faz tudo ficar infinito
E que a solidão é pretensão de quem fica
Escondido fazendo fita
Todo dia tem a hora da sessão coruja
Só entende quem namora
Agora 'vão bora'
Estamos meu bem por um triz pro dia nascer feliz (2x)
O mundo acordar e a gente dormir, dormir
Pro dia nascer feliz
Essa é a vida que eu quis
O mundo inteiro acordar e a gente dormir
Todo dia é dia e tudo em nome do amor
Essa é a vida que eu quis
Procurando vaga uma hora aqui, a outra ali
No vai-e-vem dos teus quadris
Nadando contra a corrente só pra exercitar
Todo o músculo que sente
Me dê de presente o teu bis
Pro dia nascer feliz (2x)
O mundo inteiro acordar e a gente dormir, dormir
Pro dia nascer feliz (2x)
O mundo inteiro acordar e a gente dormir

Wednesday, 7 April 2010

(Luto)

Não, não o programa de tv, o sentimento mesmo.

Agora está ficando mais real minha decisão de ir embora do Brasil e o medo começa a aparecer. Está mais perto minha ida, as coisas já estão bem mais acertadas e eu só consigo sentir muito medo!
Medo de ficar sozinha.

Mas ainda assim:



O Rio de janeiro continua lindo...

Monday, 5 April 2010

"And even when you're far away i keep following the light of our love..."



Tenho passado por uma fase delicada ultimamente.
Eu que parecia tão certa de mim, de tudo que queria pra mim, de ter tudo já sob controle, vi que não tenho controle sobre muita coisa, principalmente sobre coisas que me fariam muito feliz.

Sabe quando você tem que escolher coisas?
Eu tinha feito uma escolha, crente que era a melhor.
E aí vem a vida e me põe numa encruzilhada, algo como entre escolher dois caminhos, duas portas: a da esperança e a dos desesperados rs (mas eu considero as duas da esperança rs)

Você já esteve na encruzilhada para escolher entre as duas coisas que mais você já quis na sua vida? As duas coisas que lhe são as mais importantes e não pode conciliá-las?

Infelizmente é isso que acontece comigo ter decido e ter acertado muita coisa eu não deveria me lamentar, mas eu ainda guardo comigo esse sentimento de "por que sempre comigo?".

Sabe?
Uma coisa meio pessimista que eu fico remoendo mesmo! Admito!
Estou remoendo e naquelas "ah, porque isso... ah se isso fosse assim..."
"Ah! se eu ganhasse na mega-sena..."

Infelizmente não dá e eu estou fazendo um esforço hérculeo de ser racional. Coisa que talvez eu nunca tenha sido na minha vida. Sempre fui muito "passional", impulsiva e está na hora de pôr a cabeça pra esfriar.
Se vou conseguir?
Não sei, mas tem coisa que não dá para abrir mão assim...

Eu abriria mão de muita coisa por esta escolha, mas não quero culpar ninguém se me arrenpender depois - apesar de ter certeza que não iria me arrepender -, que teria outra chance, diferente, mas outra...

As coisas foram decididas, por mais que me doa, é seguir em frente e torcer por uma "roda viva" que coloque, um dia, as coisas no lugar que desejo, sonho e quero muito.

Desejo, necessidade, vontade.

Eu sei o que desejo, sei quais são muitas vontades e tenho que pensar muito nas minhas necessidades...




Shine Yellow
Mallu Magalhães
Composição: Mallu Magalhães
I tried to be shiny
but feeling lonely, I'm fading
as we don't even know when we'll be
living as onde again
Oh, darling
don't you worry about it

It doesn't matter what comes over
when you hold me tight
and even when you're far away
I keep following the light of our love
so don't you worry about it

I'm strong by day, oh
but when the night falls down
I feel a shadow
Get strong by day, oh
So when the night falls down
you can shine yellow!

Thursday, 1 April 2010

"E eu sei que as coisas boas vão chegar se eu esperar..."


Esses dias uma pessoa falou essa frase perto de mim e acho que é assim mesmo que devo estar vivendo nos últimos tempos:
Amo a liberdade, por isso deixo as coisas que amo livres. Se elas voltarem é porque as conquistei. Se não voltarem é porque nunca as possui.

Tenho me sentido tranquila, segura. A ansiedade parou, a paranoia também, acho que deixar as coisas fluirem fazem bem para mim. Por mais que eu não tenha querido aceitar anteriormente é assim mesmo, se eu conquistei as coisas voltarão. São pra acontecer. E torço para que aconteçam.
Torço muito e sigo em frente até o caminho cruzar de novo com o que mais amo.

Estou me sentindo muito bem e isso deve querer dizer que estou no caminho certo. Amando e seguindo.

...e como diriam aqueles seres inomináveis (rsrs vou ter que dar o braço a torcer pra eles):

Vou levando assim
que o acaso é amigo do meu coração *

* O Velho e o Moço, Los Hermanos





Costa Verde
Forfun
Composição: Rodrigo / Vitor / Danilo / Nicolas
Se já não fosse tarde, eu voltava lá
Ia tentar dizer o que eu esqueci
E apesar de tudo, não é novidade
Enquanto o tempo passa eu espero que
Um dia a gente suba no altar

Pra seguir os nossos trilhos
Ser feliz, ter vários filhos
Um quintal com mini-ramp
E umas plantinhas pra cuidar

Vamos pra ilha grande em julho
Correr e esquecer de tudo
Ver um mundo mais azul
Pelados na praia do sul

Me dê a mão, e vamos por aí
Não pense em nada agora
Que já passou da hora
Eu quero tanto te fazer sorrir

Mesmo que seja tarde, vale acreditar
Viver não é só sorte ou azar
Vou te pegar de jeito e com todo respeito
Até teu ex vai ter que concordar
Daqui eu já consigo imaginar
Que essa é a nossa história
Tudo tem a sua hora
E eu sei que as coisas boas vão chegar se eu esperar

O mundo às vezes é injusto
O lucro é bem menor que o custo
E mesmo sem nenhum real
Vamos ser felizes no final

Me dê a mão, e vamos por aí
Não pense em nada agora
Que já passou da hora
Eu quero tanto te fazer sorrir

Me dê a mão, e vamos por aí
Não falta muito agora
Que o sol já foi embora
E o teu sorriso é o que me faz sorrir
***RELEMBRANDO AS MÚSICAS DA MINHA ADOLESCÊNCIA***